quinta-feira, 19 de julho de 2012

O maior problema da proximidade

Uma das coisas que mais me magoa no mundo é magoar as pessoas de quem mais gosto. Sei que é relativamente "normal"... São as pessoas que passam mais tempo connosco, com quem falamos mais, que nos "aturam" mais... Contudo, isso nem sempre é desculpa e sei que podia evitar dizer certas coisas que, por vezes, digo sem sequer pensar. Mesmo assim, penso que até tenho melhorado imenso e já respiro antes de dizer coisas que, simplesmente, não valem a pena.

3 comentários:

Ju disse...

Eu ainda sou um bocado impulsiva nesse aspeto!

Any =D disse...

É um dos meus graves problemas: falar demais, ser sincera demais!

Hermione disse...

claro que quem está sempre ali é que atura tudo o que é nosso: as piadas, as piadas sem piada, as resmunguices, as bocas, os dias-não... mas também é com eles que partilhamos o bom. e a coisa dá sempre para os dois lados: hoje aturas-me tu, amanhã aturo-te eu. e a palavra 'desculpa' existe para ser proferida quando necessário, até ao dia em que aprendemos a domar um bocadinho o nosso mau feitio ;p