sexta-feira, 8 de junho de 2012

Get a room, PLEASE


Felizmente, não sou homofóbica. Não tenho nada contra as pessoas que gostam de pessoas do mesmo sexo, ou de ambos... Vivo com isso sem o mínimo de problema. Eu não poderia gostar de raparigas? Epá, não calhou, gosto mesmo é de homens, mas qualquer um poderia estar sujeito, eu acho. Contudo, o facto de não ter nada contra não impede que, em certas ocasiões, me faça uma certa impressão.
Na minha faculdade, desde que um casal homossexual se evidenciou mais, lembraram-se todos que também podia e toca a soltar a franga. Beijinhos e abracinhos e mãos dadas e notar-se intimidade... Tudo bem. Agora porem-se em bancos da faculdade, um em cima do outro, a comerem-se à grande... Poupem-me!
De facto, subscrevo isto na íntegra para casais heterossexuais. Já vi um menino e uma menina deitados lá na relva, ele em cima dela, todos contentes, e não gostei nada... Há coisas que não se devem fazer na rua. Pelo menos, em sítios tão públicos. Controlem-se! Pelo bem do nosso estômago, que dá algumas voltas quando se depara com certas situações.

2 comentários:

Hermione disse...

que horror, também não gosto nada. felizmente (já) não me deparo com muitas coisas dessas...

Ju disse...

Concordo! Uma coisa é um carinho, outra são completas atitudes desenvergonhadas!